You are currently browsing the tag archive for the ‘banheiro’ tag.

Bom, como todos puderam perceber, o blog está bem parado. Não, eu não abandonei o meu filho, mas o ritmo da vida anda muito acelerado e a pessoa que vos fala não tem conseguido reservar aquele tempinho precioso para postar.

Saio de férias agora e volto no fim do mês. Prometi para mim mesma que não vou tocar em computadores nesse período. Volto logo e com atualizações, entrevistas e muito mais.

Um bjo grande a todos e obrigada pelas visitas!

Lembrem-se: usem bem os seus banheiros!

Para quem não conhece, o Thai Gardens é um restaurante de comida tailandesa, que fica na Avenida Nove de Julho, em São Paulo. Os adeptos de sabores diferentes irão adorar o local, mas, como todos sabem, o foco aqui não é gastronomia e sim banheiros.

O restaurante todo é luxuoso e o toilet não pode ser diferente. A ‘casinha’, de fato, não tem nada de muito diferente. As paredes são texturizadas e acompanham todo o clima do local. Mas, a parte mais legal ainda está por vir.


A minha parte preferida desse banheiro é a pia. É simplesmente sensacional. A água desce de uma torneira que vem do teto e cai quase no meio da pia. A cuba é feita de mármore em declive, o que faz com que a peça não tenha um ‘ralo’ como estamos acostumados a ver. Eu adoro!! É uma das atrações do restaurante.

Esse é um lugar que eu gostaria muito de conhecer o banheiro masculino, mas, infelizmente, não posso entrar lá.

Quem sou eu para falar sobre um banheiro ideal?!? Bom, sou apenas uma adoradora de banheiros e, nest post, vou descrever como precisa ser o meu banheiro [feminino] ideal.
Na área da “casinha”, propriamente dita, acho de extrema necessidade ter algumas coisas:
O vaso sanitário precisa ser branco e, de preferência, não ser de descarga de caixa, nem sempre a força delas corresponde ao necessário;
A empresa Kimberly-Clark oferece um produto diferenciado muito interessante. É um porta-álcool para ser colocado ao lado do vaso, para que você higienize o local, antes de utilizar. Uma ótima sacada;
Além de protetor de assento e papel higiênico de qualidade, vale frisar, também acho interessante lugares que possuem lixeiras sensíveis à movimento. Importante para que você não precise colocar a mão no lixo para descartar o que for preciso;
A descarga é algo polêmico. Você já parou pensar onde as mão passam antes dela ser apertada?! Pois é! Eu penso nisso o tempo todo e por isso acho que ela deveria ficar no chão, ao lado da privada, para que fosse apertada com o pé. Mais prático e higiênico.
A área que, geralmente, é comum nos banheiros pode ter pias acionadas por movimento, assim como a saboneteira [em alguns lugares já é possível encontrar]. Papel toalha de boa qualidade, fio dental, enxaguante bucal são apetrechos igualmente importantes.
Algo que eu nunca vi em banheiros femininos e acho extremamente útil é um apoio de bolsa próximo à pia. Explico: mulheres, em sua maioria, carregam bolsas e o que devemos fazer com elas ao lavar as mãos? Bingo! Ganchos para pindurar bolsas nas pias já!
Claro que tudo isso acompanhado de uma decoração linda, delicada, clean e aconchegante. Esse eu recomendo…e muito!

Quem sou eu para falar sobre um banheiro ideal?!? Bom, sou apenas uma adoradora de banheiros e, nest post, vou descrever como precisa ser o meu banheiro [feminino] ideal.

Na área da “casinha”, propriamente dita, acho de extrema necessidade ter as seguintes coisas:

  • O vaso sanitário precisa ser branco e, de preferência, não ser de descarga de caixa, nem sempre a força delas corresponde ao necessário;
  • A empresa Kimberly-Clark oferece um produto diferenciado muito interessante. É um porta-álcool para ser colocado ao lado do vaso, para que você higienize o local, antes de utilizar. Uma ótima sacada;
  • Além de protetor de assento e papel higiênico de qualidade, vale frisar, também acho legal lugares que possuem lixeiras sensíveis à movimento. Importante para que você não precise colocar a mão no lixo para descartar o que for preciso;
  • A descarga é algo polêmico. Você já parou pensar por onde as mão passam antes dela ser apertada?! Pois é! Eu penso nisso o tempo todo e por isso acho que ela deveria ficar no chão, ao lado da privada, para que fosse apertada com o pé. Mais prático e higiênico.

A área que, geralmente, é comum nos banheiros pode ter pias acionadas por movimento, assim como a saboneteira [em alguns lugares já é possível encontrar]. Papel toalha de boa qualidade, fio dental e enxaguante bucal são apetrechos igualmente importantes.

Algo que eu nunca vi em banheiros femininos e acho extremamente útil é um apoio de bolsa próximo à pia. Explico: mulheres, em sua maioria, carregam bolsas e o que devemos fazer com elas ao lavar as mãos? Bingo! Ganchos para pendurar bolsas nas pias já!

Claro que tudo isso acompanhado de uma decoração linda, delicada, clean e aconchegante. Esse eu recomendo…e muito!

Meu banheiro femenino ideal...NOT!

Meu banheiro feminino ideal...NOT!

Para quem nunca ouviu falar, existe um bar na Rua Augusta, em São Paulo, que se chama Z Carniceria. O lugar foi montado em um antigo, e primeiro, açougue e matadouro da rua.
Com uma decoração pra lá de exótica, o banheiro não podia ser diferente. Começando com uma porta de geladeira antiga, daquelas que só a sua avó tinha, a famosa ‘casinha’ enche os olhos de adoradores de toaletes como eu.
Ao passar da porta você se sente mais nos anos 50 do que nunca, mesmo sendo a base da decoração de todo o bar. Os toaletes são diferenciados por um neon colorido, sendo, vermelho para o banheiro feminino e azul para o masculino.
Com azulejos brancos e rejuntes escuros, é inevitável pensar, durante sua visita ao local, que você está realmente em outra época.
A pia vem para complementar e fechar com chave de ouro toda a decoração. Grande, branca e interiça, além de ter aquelas torneirinhas meio acobreadas e pequeninas.
Outro ‘adereço’ que decora o local é o lixo ao lado da pia. Trata-se de um grande balde de leite, daqueles de fazenda sabe?!? Só que realmente grandes.
O único problema é se entender com a porta ao sair, mas depois da primeira ida ao banheiro e você já fica craque na coisa. É isso aê!! Tá mais que aprovado!!

Para quem nunca ouviu falar, existe um bar na Rua Augusta, em São Paulo, que se chama Z Carniceria. O lugar foi montado onde existiu o primeiro açougue e matadouro da rua.

A decoração é pra lá de exótica e o banheiro não podia ser diferente. Começando com uma porta que é um porta de geladeira antiga, daquelas que só a sua avó tinha, a famosa ‘casinha’ enche os olhos de adoradores de toaletes, como eu.

Ao passar da porta você se sente mais nos anos 50 do que nunca, mesmo sendo a grande ideia de toda a decoração do bar (além de lembrar um açougue, é claro!). ‘As casinhas’ são diferenciadas por um neon colorido, sendo, vermelho para o banheiro feminino e azul para o masculino.

Banheiros femino e masculino

Banheiros femino e masculino

Com azulejos brancos e rejuntes escuros, é inevitável pensar, durante sua visita ao local, que você está realmente em outra época. É uma viagem!

A pia vem para complementar e fechar com chave de ouro toda a decoração. Grande, branca e interiça, com aquelas torneirinhas meio acobreadas e pequeninas. Mais coisa da casa da vó.

Outro ‘adereço’ que decora o local é o lixo ao lado da pia. Trata-se de um grande balde de leite, daqueles de fazenda sabe?!? Só que beeem grande e surrado, envelhecendo mais ainda o local.

O único problema é se entender com a porta ao sair, mas depois da primeira ida ao banheiro você já fica craque na coisa. É isso aê!! Tá mais que aprovado!!

Foto 0072

Ontem fui ao famoso e delicioso buteco de São Paulo, o Frangó. Quem nunca foi, deveria.

A comida é maravilhosa e as cervejas, melhores ainda. Pra você ter uma idéia existe um cardápio gigante, como uma carta de vinho, só de cervejas. Mas enfim, o foco é outro. Vamos ao banheiro.

É claro, que depois de se servir da grande especialidade da casa será extremamente necessário usar o banheiro. Ele, em si, não é o melhor que já…meio apertadinho, mas…tá ok, afinal, o seu corpo chama e não há o que fazer.

Mas o que mais me chamou a atenção do lugar, foram as plaquinhas de banheiro. Super adequadas e criativas. Talvez você não repare e não as entenda logo de cara, mas são geniais.

Entrada do banheiro feminino

Entrada do banheiro feminino

Banheiro masculino

Banheiro masculino

OBS: Depois de meio litro de cerveja e uma luz não mto boa, sim, as fotos estão tremidas!

Recebi essa foto por e-mail e achei a ideia sensacional.

Tudo bem que está com cara de montagem, mas….vale a intenção.

Não sei quem fez/tirou a foto, mas é muito boa

Não sei quem fez/tirou a foto, mas é muito boa

Foto 0065Depois de muito tempo sem postar, hoje vou falar de um banheiro particular e muito caseiro. A ‘casinha’ escolhida faz parte da ‘home sweet home’ da minha amiga Tatiana.

Depois de passar por uma longa e sofrida reforma, que acompanhei de perto, o banheiro ficou simplesmente lindo e muito aconchegante, mais clean que ele é impossível.

Um dos principais atrativos do banheiro é o box em forma de tijolos transparentes, coisa que vi pela primeira vez em sua casa e achei sensacional. A área para banho ficou muito mais charmosa, além de criar um clima muito sexy para quem assiste ao banho.

O gabinete patinado com a pia sobressalente, combinaram perfeitamente com o espelho com a moldura feita de madeira e repleta de detalhes, que dá o toque final ao ambiente. 

Grande, confortável e clean, tá mais que aprovado. Pena que ela está de mudança, mas garanto que o próximo banheiro vai ser tão bonito quanto. Prometo postar sobre ele quando conhecê-lo!

Foto 0066

Depois de um longo e tenebroso inverno, faço o último post sobre a minha incrível viagem à Petrópolis.

Visitamos o Palácio da Quitandinha, no último dia de passeio, que é um hotel hollywoodiano da cidade, para simplificar tudo.

Infelizmente, pude conhecer apenas um dos banheiros do palácio. Com um azulejo num estilo meio retrô, o que mais me chamou a atenção foi que, dentro da ‘casinha’, existia uma arara de alumínio para mulheres cheias de coisas colocarem suas blusas, bolsas, sacolas e tudo mais.

montagem_quitandinha

Ainda no banheiro feminino, antes de chegar à area dos toaletes, foram colocadas poltronas e muitos espelhos para as mulheres, que vão sempre acompanhadas ao banheiro, poderem sentar e conversar tranquilamente.

quitandinha

E, já que eu não posso visitar o banheiro masculino, o maridão tirou algumas fotos dele e me passou. O local é basicamente igual ao feminino, exatamente no mesmo estilo, porém, é claro, com muitos mictórios.

Não sei se é funcional, mas adorei a disposição deles no toalete. Totalmente aprovado!!

mictorio_quitandinha

Foto de Rene Laki

 

parrilla_petropolis3Em nosso primeiro jantar em Petrópolis, fomos ao restaurante Parrilla, que fica em Itaipava, na verdade. Lá comemos um rodízio de fondue maravilhoso, mas, como já disse antes, não estou aqui para falar da comida e sim dos banheiros.

Achei o banheiro do restaurante muito legal. Entre as ‘casinhas’ masculina e feminina, tinha um pequeno hall com um sofá, aparador e umas flores. Muito aconchegante.

O banheiro em si também era bem aconchegante. Tinha apenas duas casinhas, mas dava conta. A porta era de veneziana e parecia deixar tudo à mostra, mas não era bem assim. De fora, você não conseguia ver nada, mas de dentro, você via tudo.

A cordinha de puxar a descarga é bem descreta. Ela surge de uma treliça que fica atrás do vaso sanitário. Tudo muito charmoso.

Em frente cada uma das pias, foram colocados dois espelhos com molduras de madeira. E entre as pias tem uma espécie de cesto, de madeira também, para jogarmos os papéis que as mãos foram exugadas. Muito criativo!

Está mais que aprovado!

parrilla_petropolis

No feriadão de Tiradentes fui conhecer a cidade de Petrópolis, no Rio de Janeiro, e, é claro, os seus banheiros.

Apesar de ter sido apresentada a este famoso banheiro apenas no último dia de viagem, me senti na obrigação de postá-lo antes.

Conheci, nada mais, nada menos, que o banheiro de Santos Dumont! Fiquei tão animada e ansiosa para chegar aqui e dividir com todos essa emoção. ‘A Encantada’, como é conhecida a sua casa na cidade, é simplesmente genial.

santos-dumont_cortada

Famoso por suas ‘engenhocas’, o que mais me chamou a atenção foi o curioso chuveiro do famoso aviador. Na época em que ele viveu na cidade, o seu chuveiro era o único do Brasil que possuia água quente, uma criação sua, é claro.

santos-dumont_cortada2-copia

Na imagem, podemos ver o chuveiro de Santos Dumont (esq.) e a pia do pequenino banheiro.

Encanadora

Livre ou Ocupado

Para aqueles que acharem as fotos ruins um aviso: As fotos são tiradas de uma câmera de celular por mim mesma e, eventualmente, a qualidade não será ótima. Vez ou outra podemos ter fotos buscadas no Google. Por favor, não me odeiem...
julho 2017
D S T Q Q S S
« set    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031